Estudante se suicida após estupro na África do Sul

10/08/2018 - Postado por Eugênio Menezes

A estudante Khensani Maseko, de 23 anos, se suicidou na sexta-feira (03) dois meses depois de alegar ter sofrido estupro por outro aluno na universidade Rhodes na África do Sul. As informações são da CNN.

 

Sua última mensagem, publicada nas redes sociais, foi: “Ninguém merece ser estuprada.” Em julho deste ano, ela relatou à instituição uma violação que teria acontecido em maio. Eles informaram que logo que recebeu a denúncia marcou uma audiência com os pais da jovem junto às autoridades.

 

A instituição ainda confirmou que o jovem acusado de violação foi suspenso e que está investigando o caso junto com a polícia sul-africana e o Ministério Público.

 

A violência sexual contra as mulheres na África do Sul é um grave problema que vem crescendo a cada ano. De acordo com os dados do Instituto Nacional de Estatística da África do Sul, 138 a cada 100 mil mulheres foram estupradas entre 2016 e 2017 e a taxa de feminicídio é cinco vezes maior que a taxa global.

 

Fonte: Didi Galvão 

Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.