Encontro discute fortalecimento e competitividade da indústria no Sertão do São Francisco

18/09/2023 - Postado por Eugênio Menezes 44

Temas econômicos, tributários e contábeis pautaram o 1° Encontro das Indústrias do Sertão do São Francisco, realizado na tarde desta quinta-feira (14/9), no auditório do SENAI Petrolina, pelo Sindicato da indústria de Doces e Conservas Alimentícias de Pernambuco – SINDDOCES, a Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (FIEPE) e o Sebrae.
O evento gratuito foi aberto pelo diretor da Unidade Regional do Sertão do São Francisco da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (URSF/FIEPE), Albanio Venâncio, que deu as boas vindas aos participantes. Na sequência, o 1° vice-presidente da FIEPE, Rafael Coelho, fez uma apresentação do Sistema FIEPE, que abrange instituições como o SENAI, SESI e o IEL; e a gerente regional do Sebrae, Mara Almeida, apresentou alguns projetos e programas da instituição.
Antes do início das palestras, o diretor técnico do SINDDOCES, Marcelino da Silva, agradeceu aos parceiros do encontro e ao público, formado por lideranças de instituições representativas da indústria, empreendedores e estudantes. Primeiro palestrante da tarde, o economista e professor Ecio Costa trouxe ao evento informações sobre a queda dos juros na economia brasileira e sua preocupação com a desaceleração econômica internacional, principalmente da China.
O advogado especialista em Direito Tributário Davi Cavalcanti falou sobre planejamento tributário, revisões fiscais, administrativas e judiciais e defendeu que, para atingir o grau máximo de competitividade, o empresário precisa estar bem assessorado em todas as áreas. Ainda durante o encontro, o psicólogo e especialista em Liderança e Motivação Jairo Martiniano movimentou o público com um stand up corporativo, dando dicas de autoconhecimento e autocontrole para transformar relações em resultados.
No encerramento, o contabilista George Bacelar mostrou as principais diferenças entre o PRODEPE e o PROIND, programas estaduais de incentivos fiscais, e o vice-presidente de Administração e Finanças do Conselho Regional de Contabilidade de Pernambuco (CRC/PE), Eduardo Carlos Pessoa de Amorim, concluiu o ciclo de palestras, detalhando os principais procedimentos para evitar autuações fiscais.

Clas Comunicação e Marketing

Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.